Mas ainda podemos mudar

É difícil ter que se sentar no patio do colégio com o seu sobrinho de 5 anos, e encontrar palavras amenas para explicar o por que dele não poder sair abraçando a todos sem distinção e conhecimento como acabará de fazer no colégio. Que o mundo nem sempre será um lugar acolhedor por entre seus braços, e que a inveja e cobiça entre outras maldades geradas por nós, adultos, caminha entre as falhas de luz em seu caminho e mais cedo ou mais tarde… poderia se aproveitar de tamanha bondade e inocência.
…mas ainda espero pelo dia em que ele se sinta seguro em encorajar, e não reprimir, tal lindo gesto com o seu filho.
Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s